domingo, 1 de fevereiro de 2009

Um Remédio Incrível Para Um Mal Incurável e Outros Males

FORMAÇÕES ORGÂNICAS: Bico de papagaio, nervo ciático, coluna, calcificação, surdez por calcifi-
cação - : 1 dose pela manhã, 1 dose à tarde e 1 dose à noite. Quando curado, continuar tomando o Cloreto de Magnésio como preventivo, sempre de conformidade com a idade.

ARTROSE: Causada pelo ácido úrico que se deposita nas articulações do corpo, principalmente nos 
joelhos e nos dedos, que constantemente estão inchados e bem dolorosos. Isso acontece porque os
rins estão falhando , por falta de magnésio. Deve-se tomar cuidado com o mal funcionamento dos rins.
A dose recomendada é: 1 dose pela manhã. Se em 20 dias não sentir melhoras e continuar com 
algumas anormalidades, tomar 1 dose pela manhã e uma dose à noite. Depois da cura, continuar as doses como prevenção.

PRÓSTATA: Caso 1: Um ancião, já não conseguia urinar. Na véspera da operação deram-lhe 3 doses
como preparação. Por incrível que pareça, ái começou a melhora...e, depois de 15 dias estava curado,
sem a cirurgia. Há casos em que a Próstata regride, às vezes ao normal: 2 doses pela manhã, 2 doses
à tarde e 2 doses à noite. Ao melhorar, continuar tomando como preventivo.

PROBLEMAS DA VELHICE: 
Rigidez muscular, câimbras, trêmulo, artérias duras, falta de atividade 
cerebral: 1 dose pela manhã, 1 dose à tarde e 1 dose à noite.

CÂNCER: Consiste em células mal formadas por falta de alguma substância (refinados) ou presença
de partícula tóxica. Essas células anárquicas não se harmonizam com as sadias (não são úteis), mas 
são inofensivas até certa quantidade, a qual o Magnésio combate fácilmente, vitalizando as sadias.
Infelizmente, todo o processo canceroso, lento, não causa nenhuma dor de alerta, até aparecer o tu -
mor, que segrega tóxicos, (vírus muito variados), que invadem as células sadias em ramificações.
(aí o Magnésio só pode freiar o processo um pouco: curar, não) Há porém ocasiões onde existe um
melhor aproveitamento:

a) Se houver nódulos embaixo da pele: O Cloreto de Magnésio é um excelente preventivo, para o câncer
não progredir e formar o tumor. 

b) Além dos alimentos cancerígenos que devemos evitar (condicionados), o mais importante é guardar
o equilíbrio mineral, tomando o Cloreto de Magnésio como doses de prevenção. Basta o corpo estar
devidamente mineralizado, para se ver livre de quase todas as doenças.

c) Há ainda o câncer de pele (eptelial), que não é mortal, mas produz chagas incuráveis. O Cloreto de
Magnésio as cura: Caso 2: Um médico operou-se 3 vezes na orelha não conseguindo melhorar a ferida.
Por fim, deixou a ferida aberta. Por outro motivo começou a tomar o Cloreto de Magnésio, e depois de 
certo tempo começou a sentir melhora na orelha, vindo a sarar em 20 mêses.

FADIGA: Caso 3: Um escritor fatigado, depois de tomar o Cloreto de Magnésio durante 5 semanas, 
conseguiu terminar seu livro. Caso 4: Um ancião trêmulo, não conseguia levar nada à boca, depois de 
um tratamento de 1 mês com o Cloreto de Magnésio, voltou ao normal.

INTESTINO: Caso 5: Um professor sentia dores intestinais constantes. Fez o tratamento pelo Cloreto
de Magnésio e suas dores sumiram, desaparecendo também a fadiga. Um regulador perfeito para as 
principais funções do organismo.

COMICHÕES NA PELE: Lesões, frieiras, acne, furúnculos. 1 dose pela manhã, 1 dose à noite. ( Os 
jovens não devem tomar o Cloreto de Magnésio, pois, se sua alimentação é sadia, já estão em equilí-
brio normal).

INFECÇÕES: Se curam com remédios? Sim. Mas com uma pequena observação: O remédio dá um
tiro no micróbio e mata as células. O Magnésio é um alimento que não mata o micróbio, mas fortalece
as células, para elas triunfarem sobre ele. O Cloreto de Magnésio duplica os glóbulos brancos (sistema
imunológico) que destroem 3 vezes mais micróbios.
Na Europa, morria a 4ª parte dos anciãos, esgotados pelo inverno, de doenças respiratórias, afecções
pulmonares, bronquite crônica, pneumonia, etc...Mas em um centro de recuperação de idosos, um mé-
dico que já tinha ouvido falar do Cloreto de Magnésio e sua eficácia, colocou em prática o tratamento e
melhorou a saúde dos velhinhos considerávelmente, dando-lhes 3 doses pela manhã e 3 doses à noite.

GRIPE FORTE: 1 dose pela manhã, 1 dose à tarde e 1 dose à noite.( Estas doses não devem ser 
tomadas por tempo prolongado.)

FERIDAS E CHAGAS: Podem ser lavadas e untadas em solução concentrada de 2 em 2 dias. A cura
é rápida.

CIRURGIAS: Na véspera: 3 doses previnem rápidamente contra infecções, esgotamento, desequilíbrio
nervoso e debilidade.

DIVERSAS OUTRAS ENFERMIDADES: 
Stress, arritmia cardíaca, angina de peito, insuficiência 
coronária, artose, bico de papagaio, bursite, esporão do calcanhar, alcoolismo, acaba com as cãimbras,
proteção da gestante e do feto na gravidez e no parto, melhora o desempenho físico. Auxiliar no trata-
mento da trombose, embolias, calculos renais de oxalato de cálcio, próstata, memória, cicatrização,
perda de paladar, perda do olfato.
Não deve ser usado por quem esteja fazendo uso do Antibiótico TETRACICLINA, pois diminui a 
absorção do referido medicamento.
Não deve ser usado por quem tenha insuficiência renal grave.

O Cloreto de Magnésio é encontrado em cristais do sal e em cápsulas.
Nomes comerciais do Cloreto em Cápsula: Magnésio Z e X2.

Um comentário:

Mariana Laranja disse...

Ola eu gostaria de saber o que se entende uma dose.